Nota fiscal de entrada: O que é e como utilizar

Nota fiscal de entrada de mercadoria - Konfere

Por: Eduardo Franceschett
CEO e Fundador da Konfere

Por: Eduardo Franceschett
CEO e Fundador da Konfere

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn

Empresas sérias e profissionais tem processos e obrigações muito bem definidas, emitir notas fiscais da forma e com as informações corretas é umas das obrigações e deve fazer parte do processo da sua empresa ao vender um produto, nesse artigo vamos falar de uma delas, a nota fiscal de entrada.

A nota fiscal de entrada é geralmente uma nota de produto ou serviço que chega do fornecedor até você, porém notas fiscais de entradas podem ser emitidas também em outros casos, falaremos de todos os casos que estão previstos na legislação:

devolução — o cliente não gostou do produto por alguma razão e decidiu devolvê-lo para o vendedor. Como o produto volta para o estoque e o cliente não pode emitir nota fiscal, quem emite é a empresa;

transporte — no caso de a empresa que compra o produto assumir a responsabilidade de retirá-lo e transportá-lo;

exposição — quando o produto volta de uma exibição em um museu ou galeria de arte, por exemplo;

leilão — se o produto for arrematado, principalmente em leilões;

nota fiscal não obrigatória — caso o vendedor não tenha a obrigação de emitir a nota fiscal;

retorno de industrialização — ou seja, quando o produto é industrializado ao passar pelas mãos de um autônomo;

importação — caso o produto seja importado, o documento do país de origem pode não ter validade aqui no Brasil.

Como emitir uma nota fiscal de entrada ?


Você tem duas opções para emitir essa nota: Emitindo ou importando ela. Entenda os dois casos:

Emissão de nota fiscal: Nesse caso você mesmo é quem emite a nota fiscal de entrada, utilizando o formulário adequado da empresa emissora, as regras de emissão são relativas a cada legislação estadual, dessa forma para mais informações é recomendado procurar a secretaria da fazenda do seu estado.

Importação da nota fiscal: Se uma empresa vendeu a mercadoria para você e emitiu uma Nf-e, você só precisa importar o arquivo XML da nota fiscal registrando a entrada no controle tributário e também no estoque

Baixar Nf-e de entrada

Ter armazenado e organizado todas as notas fiscais eletrônicas é um processo muito importante para evitar fraudes envolvendo o CNPJ da sua empresa e ter segurança jurídica.

Por isso, baixar todas as notas fiscal eletrônica de entrada em cada compra realizada é tão recomendado, esse ato permite por exemplo que você tenha um controle para fazer a Manifestação de destinatário por meio do qual a sua empresa informa a Receita Federal sobre a participação ou não em determinada nota emitida em seu CNPJ.

Agora que você já sabe a importância de ter TODAS as notas acessíveis, vamos falar passo-a-passo como você pode fazer o download de notas fiscais eletrônicas:

Para começar, acesse o portal nacional da Nota Fiscal Eletrônica;

  • Entre os serviços oferecidos, destacam-se quatro: Consultar NF-e Completa, Consultar Disponibilidade, Consultar Resumo da NF-e e Consultar Inutilização. Como você deseja baixar a nota, escolha a primeira opção, que traz todos os dados da nota, como emitente, destinatário, produtos e serviços e valores;

  • Para prosseguir, você tem que informar a chave de acesso — são 44 números localizados no canto superior direito da nota. Depois, preencha o código captcha e clique em Continuar;

  • Assim que a nota fiscal for localizada é possível baixá-la. Encontre o botão de Download do documento e clique sobre ele;

  • Como passo seguinte, será solicitado que você selecione o Certificado Digital da empresa, que já deve ter sido instalado anteriormente na máquina que você está usando;

  • Ao confirmar, o download ocorrerá automaticamente.

Consultoria Gratuita

Para empresas de comércio exterior que querem diferenciar sua estratégia e conquistar mais resultados.
Limitado

Esteja sempre atualizado no mercado de comércio exterior, deixe seu e-mail e receba uma vez por semana nossos conteúdos exclusivos:

Veja também:

Importação/Exportação

Tabela NCM Completa

O sistema aduaneiro brasileiro difere do Sistema Harmonizado internacional. O Código NCM define um código de oito dígitos configurado pelo governo brasileiro para identificar a

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha os dados e entraremos em contato: